terça-feira, 7 de dezembro de 2010


FANTASIA
dedicato
W.B. Leal

Constroem este poema
a tua palavra e o teu silêncio.
Estes elementos te relembram
no instante em que penso.

É corpo e surpresa
a tua escultura de fogo.
Em seu estudo descobri os caminhos
por onde a estrela recria
os teus inventos de luz.

(Ave e sentido era a fantasia
que a minha alegria encontrou.)

Enfeitas as horas
como uma cidade em festa.
Em mim é o teu pouso
a explosão deste dia.

4 comentários:

Anônimo disse...

Weydson,

Voce está cada vez mais inspirado!
Seus poemas estão fantásticos!

Continuo amando os seus sentimentos que explodem através das letras.

bjs.Denise

WBLog disse...

Obrigado, Denise. A sua leitura também enriquece o poema. bjs W

Acácia Azevedo Studio Pottery disse...

Como não se repetir? Lindos poemas!

cristiana disse...

Wey ,

Digo e repito ...
Voce é um romantico ;)
Não deixe de ser nunca !
LINDO O POEMA.
Bjs,
Cris.